G. W. F. Hegel, J. A. Schumpeter, F. A. Hayek e D. L. Rosenfield: Análise dos Conceitos de Liberdade e de Responsabilidade

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Paulo Roberto Konzen

Resumo

O artigo busca esboçar e analisar as principais características e relações entre os pensamentos de G. W. F. Hegel, J. A. Schumpeter, F. A. Hayek e D. L. Rosenfield, sobretudo sobre os conceitos de liberdade e de responsabilidade. Inicialmente, procura apresentar e ponderar as críticas de D. L. Rosenfield ao viés teológico-político de alguns indivíduos e grupos, cujas ideias, muitas vezes, influenciam ou determinam as ações humanas. Em seguida, visa considerar as principais relações entre os conceitos de suprassunção (Aufhebung) de G. W. F. Hegel e de destruição criadora de J. A. Schumpeter, na medida em que eles são determinantes na compreensão dos conceitos de capitalismo e de socialismo, de democracia e de propriedade privada. Por último, ainda pretende relacionar os conceitos de liberdade defendidos por G. W. F. Hegel, F. A. Hayek e D. L. Rosenfield, a fim de ressaltar, sobretudo, a interconexão entre os conceitos de direito e de dever público e privado, em especial com a questão da responsabilidade.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
ROBERTO KONZEN, Paulo. G. W. F. Hegel, J. A. Schumpeter, F. A. Hayek e D. L. Rosenfield: Análise dos Conceitos de Liberdade e de Responsabilidade. Revista Opinião Filosófica, [S.l.], v. 1, n. 1, fev. 2017. ISSN 2178-1176. Disponível em: <http://periodico.abavaresco.com.br/index.php/opiniaofilosofica/article/view/82>. Acesso em: 04 jul. 2020.
Seção
Artigos