Democracia e Deliberação Pública em John Rawls

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Fernando Danner

Resumo

Neste artigo, eu analiso a concepção de democracia deliberativa de Rawls. Alguns autores da democracia deliberativa argumentaram que o objetivo de Rawls em Uma Teoria da Justiça é o problema da justiça social, não o da legitimidade do poder político. Penso, ao contrário, que esta obra oferece ao menos duas ideias constitutivas da noção de democracia deliberativa: a primeira é que a posição original é entendida como um sistema justo de justificação pública; o segundo é que a posição original baseia-se nas ideias de imparcialidade, reciprocidade e racionalidade. No Liberalismo Político, Rawls introduz a ideia de “razão pública”, oferecendo, assim, uma justificação completa de sua concepção de justiça política. Numa sociedade marcada pelo fato do pluralismo razoável, as questões mais importantes em termos de justiça devem ser tratadas por meio da argumentação e da deliberação político- pública, sem apelo a uma concepção moral abrangente (ou metafísica).

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
DANNER, Fernando. Democracia e Deliberação Pública em John Rawls. Revista Opinião Filosófica, [S.l.], v. 8, n. 1, p. 25-39, ago. 2017. ISSN 2178-1176. Disponível em: <http://periodico.abavaresco.com.br/index.php/opiniaofilosofica/article/view/727>. Acesso em: 17 dez. 2017.
Seção
Artigos