Ideia, História e Sistema em Hegel

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

João Alberto Wohlfart

Resumo

O texto tenta demonstrar a relação de circularidade dialética entre a Ideia, proveniente da Ciência da Lógica, a Filosofia da História universal e a estrutura do Sistema Filosófico. A coextensividade entre História e Sistema, como componente estruturante da filosofia hegeliana, é demonstrada na identidade entre Filosofia da História e Filosofia do Espírito enquanto sistemática de autodeterminação da liberdade. A conjugação entre Ideia, Filosofia da história e Sistema filosófico desencadeia-se no movimento de autodeterminação da liberdade e de progressiva automanifestação da razão em diferentes esferas da Filosofia do real. Desta forma, o desdobramento dos sistemas filosóficos ao longo da História da Filosofia e os diferentes níveis de relação da Ciência da Lógica com a Filosofia do Real correspondem ao desdobramento das determinações subjetivas da Ideia. O Sistema hegeliano é uma Filosofia da História porque é uma síntese da evolução histórica do pensamento filosófico e uma sistematização filosófica dos saberes da época de Hegel.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
ALBERTO WOHLFART, João. Ideia, História e Sistema em Hegel. Revista Opinião Filosófica, [S.l.], v. 4, n. 2, fev. 2017. ISSN 2178-1176. Disponível em: <http://periodico.abavaresco.com.br/index.php/opiniaofilosofica/article/view/544>. Acesso em: 26 fev. 2020.
Seção
Artigos