Relações Internacionais como um Estado de Natureza em Charles Beitz

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Jaderson Borges Lessa Fernando Nunes Oliveira

Resumo

Este trabalho tem por objetivo apresentar e reconstituir a argumentação da primeira parte da concepção de relações internacionais como um estado de natureza apresentada por Charles Beitz na obra Political Theory and International Relations, destacando: (i) O ceticismo dos realistas, (ii) A situação hobbesiana, (iii) Relações internacionais como um estado de natureza, (iv) A base da moralidade internacional e (v) Do ceticismo internacional à moralidade dos Estados.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
BORGES LESSA, Jaderson; NUNES OLIVEIRA, Fernando. Relações Internacionais como um Estado de Natureza em Charles Beitz. Revista Opinião Filosófica, [S.l.], v. 3, n. 2, fev. 2017. ISSN 2178-1176. Disponível em: <http://periodico.abavaresco.com.br/index.php/opiniaofilosofica/article/view/484>. Acesso em: 05 jul. 2020.
Seção
Dossiê