Como Nasce um Ídolo: o Mito e suas Narrativas

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Danyele Bomfim

Resumo

O presente trabalho visa a uma verificação/análise em torno das narrativas míticas desde a Grécia Antiga até os dias atuais, considerando a cultura de massa como questão principal, dado que a indústria do entretenimento tem produzido ídolos cuja representação social tem mais a ver com a vida real de uma população empobrecida do que com os próprios méritos que encontramos na saga de um herói. A realidade que fundamenta o nascimento de um ídolo - tanto pela via de quem produz (e este quem também pode ser considerado uma estrutura) quanto pela via de quem é produzido - será abordada desde os aspectos formativos do ser humano até os aspectos contingenciais que auxiliam este nascimento, isto é, os fatores internos e externos (relação homem-mundo) que possibilitam ou favorecem o nascimento de um ídolo.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
BOMFIM, Danyele. Como Nasce um Ídolo: o Mito e suas Narrativas. Revista Opinião Filosófica, [S.l.], v. 6, n. 1, fev. 2017. ISSN 2178-1176. Disponível em: <http://periodico.abavaresco.com.br/index.php/opiniaofilosofica/article/view/383>. Acesso em: 17 set. 2019.
Seção
Artigos