A Experiência Estética na Perspectiva Naturalista

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Alberto Marinho Ribas Semeler Alberto Marinho Ribas Semeler

Resumo

Este artigo analisa algumas questões da neuroestética e suas relações com as reflexões históricas sobre a base biológica da experiência estética. A constatação dos vínculos entre biologia e estética não é novidade do mundo tecnológico, pois os gregos já pensavam a esse respeito, como é o caso da teoria naturalista de Aristóteles. O sentido da visão é compreendido enquanto meio produtor de conhecimento e intelecto visual. A neuroestética estabelece um diálogo entre tradição e inovação ao compreender as artes visuais como um subproduto da função evolutiva cerebral revalorizando-a no contexto da pesquisa científica.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
RIBAS SEMELER, Alberto Marinho; RIBAS SEMELER, Alberto Marinho. A Experiência Estética na Perspectiva Naturalista. Revista Opinião Filosófica, [S.l.], v. 4, n. 1, fev. 2017. ISSN 2178-1176. Disponível em: <http://periodico.abavaresco.com.br/index.php/opiniaofilosofica/article/view/220>. Acesso em: 02 jul. 2020.
Seção
Artigos