Da revolução copernicana (do verdadeiro idealismo transcendental)

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Luiz Carlos Mariano da Rosa

Resumo

O artigo em questão se detém nas implicações epistemológicas da revolução copernicana de Immanuel Kant, cuja perspectiva, emergindo das fronteiras que inter-relacionam o racionalismo de Leibniz, o empirismo de Hume e a ciência positiva físico-matemática de Newton, instaura o horizonte do idealismo transcendental, estabelecendo a correlação fundamental envolvendo o sujeito e o objeto do conhecimento.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
MARIANO DA ROSA, Luiz Carlos. Da revolução copernicana (do verdadeiro idealismo transcendental). Revista Opinião Filosófica, [S.l.], v. 2, n. 2, fev. 2017. ISSN 2178-1176. Disponível em: <http://periodico.abavaresco.com.br/index.php/opiniaofilosofica/article/view/134>. Acesso em: 05 jul. 2020.
Seção
Artigos